«

»

out 26 2012

Avaliação: Case de plástico ABS para o Raspberry Pi

Conforme disse em um post anterior, comprar um case para o Raspberry Pi pode ser uma verdadeira novela, já que as opções são tantas que deixam qualquer um perdido.

Então para aliviar o sofrimento de quem ainda não comprou seu case, farei uma avaliação desta simpática caixinha que atualmente oferece o preço mais atraente em relação aos concorrentes.

 

Envio em tempo recorde

Ao entrar no ebay, vemos uma quantidade absurda de cases, principalmente deste modelo que comprei. Tentei evitar a compra de um que viesse do Reino Unido porque já tive uma séria decepção com o envio através do Royal Mail, mas já que eu precisava do menor valor possível, não priorizei o prazo.

Então procurei um vendedor com boas qualificações e paguei um pouco menos de 12 dólares com o frete incluído através do agonizante Royal Mail… E não é que queimei a língua? O pacote chegou em menos de 10 dias sem aviso algum.

Eis que ontem minha esposa abriu minha caixa de correios e disse: “Tem um pacote fofinho aqui pra você”… (E não é que a embalagem é fofinha mesmo?)

 

Impressão inicial

Ao abrir o pacote e tirar o case de dentro de sua caixa, a primeira impressão foi de que ele é mais bonito pessoalmente do que nas fotos.

Tive a ousadia de apertar um pouco a estrutura e o resultado foi um alívio, pois em todas as fotos que vi antes de comprar, o plástico me parecia bem rígido e isso me preocupava com relação ao surgimento de trincas, mas ao pegar em mãos percebi que a realidade é outra, pois graças ao plástico ABS o case além de resistente também é flexível.

 

Aspecto geral positivo

O que me chamou a atenção é que este case é feito pensando em proteger e manter a facilidade para o uso em projetos, pois em sua parte superior há os furos para utilização da GPIO e cabos flat, conforme pode ser visto à esquerda da foto abaixo:

Na direita da foto vemos a parte inferiora do case, que tem dois furos em formato de cruz, feitos para prender o case na parede, e nos pés há pequenos furos para fixação através de parafusos.

Outro ponto positivo é que apesar do case aquecer um pouco, a ventilação é eficiente:

A placa do Raspberry Pi fica presa o suficiente para não escapar, porém há um pouco de folga que permite a movimentação lateral, mas que de forma alguma compromete a qualidade do acessório.

A fixação da placa ocorre através de quatro travas no case, como estas duas que ficam ao lado da saída de vídeo composto:

Em um primeiro momento achei que o case deveria ser um pouco menor nas laterais das travas para proporcionar uma fixação mais eficiente, porém, percebi que este espaço é necessário para permitir a remoção da placa, se fosse apertado demais quebraria as travas ao remover o Raspberry.

No lado que possui as portas USB e rede, a fixação se demonstra bem precisa com um bom acabamento:

Na parte do conector HDMI, a profundidade não atrapalha, ficando semelhante a profundidade de conectores utilizados em TVs de alta definição:

Do lado do cartão SD, ele fica exposto excessivamente, mas dentro do padrão do Raspberry Pi. O conector de força microUSB tem uma pequena parte em volta do plástico que fica mais para dentro, necessário para manter a compatibilidade com conectores robustos:

 

Aspecto negativo

Infelizmente como sou um usuário assíduo de vídeo composto e televisores (para dar uma sensação retrô), tive uma surpresa bem desagradável com este case, ao qual não foi adequadamente projetado para este tipo de conexão. Veja a foto abaixo:

Na foto dá perceber que o plástico deveria estar encostado ao máximo no conector de áudio, que observando na mesma reta, isto teria feito com que a saída RCA ficasse mais exposta. Tentei pressionar a placa para ver se os conectores encostavam mais no plástico, mas foi em vão, pois o cartão SD e a saída USB prendem a placa a ponto de não permitir este movimento.

É uma pena, pois encaixar um conector RCA com o case fechado é uma tortura, e para agravar ainda mais o plástico fica muito rente da zona de contato e com isso não permite que qualquer cabo se aprofunde mais e fique bem preso.

Depois que percebi este problema, fui procurar fotos mais detalhadas de outros cases, e percebi que grande parte deles ou deixa o conector RCA mais exposto, ou mantém um espaço nas laterais para permitir um encaixe mais profundo.

Apesar deste problema, ainda dá para usar o conector RCA com certa paciência, mas sinceramente este ponto comprometeu a qualidade do case para quem for usar o vídeo composto. Já para quem for utilizar apenas a saída HDMI, isso não fará diferença alguma.

 

Show de luzes!

Em muitas fotos eu via os tubos de plástico que passam as luzes para fora e ficava me perguntando se aquilo era realmente eficiente:

E não é que o efeito não é apenas cosmético? Ele além de ser bem útil para facilitar na visualização do status do Raspberry, também é um belo ponto positivo!

 E acredite, a foto não é capaz de transmitir toda a beleza deste pequeno show de luzes.

 

Conclusão

É fato que este case básico feito de plástico ABS sem dúvida oferece um custo / benefício imbatível e tem uma boa qualidade, mesmo com a pequena falha referente ao conector RCA.

Os furos para fixação e show de luzes foram pequenos extras que ao observar detalhadamente se tornaram atrativos muito bem vindos.

Enfim, recomendo o case para quem quer uma solução econômica para proteger seu Raspberry Pi e ao mesmo tempo faz questão em manter a porta GPIO livre para testes e projetos.

11 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Alan Olicheski

    Excelentes comentários para quem for comprar um case para seu Raspberry Pi.

    Logo logo vou comprar o meu, por isso, estou de olho nessas publicações =D

    Abraço e até a proxima.

    1. Mauro Xavier

      Mais adiante, assim que a coisa aqui der uma melhorada, pretendo comprar mais alguns cases (e quem sabe, mais alguns Raspi’s), então deverei avaliar outros também.

      Obrigado pelo comentário!

      Abraços.

  2. Alexandre

    Muito legal Mauro!
    Parabéns!
    Olha o que esse cara aqui fez pra ter um “quase Spectrum”:

    http://worldofspectrum.org/forums/showthread.php?t=41201

    Abs!

    1. Mauro Xavier

      Puxa, ficou legal o esquema do cara e meu deu algumas ideias interessantes, principalmente quanto ao teclado, pois estou a fim de fazer algo parecido, mas como fiquei sem micros antigos, o meu será um “all-in-one”.

      Abraços.

  3. Danilo

    Cara, muito legal o post, e o seu site em geral. Eu também adquiri um raspberry pi, mas ainda to sem case. Seria legal se você pudesse colocar o link do vendedor desse case.

    []’s

    1. Mauro Xavier

      Opa, o link está no próprio post, onde escrevo a frase “Então procurei um vendedor com boas qualificações…”

      Obrigado pelo comentário!

  4. Marcelo Dutra

    Olá Mauro e a todos! Boa tarde.
    Muito interessante a avaliação, ainda mais para aqueles que desejam ou estão em fase de aquisições dos equipamentos e acessórios. Mauro, ficou tudo muito claro. Para completar, o que você poderia nos dizer quanto a dissipação térmica? Esquenta muito com uso de jogos, gráficos 2D-3D, e como o “case de plástico” se saiu ? Outra dúvida, seria quanto as versões de OS “Linux” preparadas para ele, roda alguma outra distro, tentou algo com OS Android ?

    Obrigado e abração!
    Marcelo – Campinas/SP

    1. Mauro Xavier

      Olá, Marcelo.

      Referente a dissipação términa, achei que este case de plástico ABS se saiu bem devido aos diversos furos presentes. Se utilizado em sua velocidade padrão, mesmo em dias de profundo calor (e este é o caso da minha cidade), tudo fica dentro de um limite absolutamente seguro.

      Se quiser um pouco mais de performance, recomendo no máximo o overclock em nível médio, que mesmo sem dissipador também se saiu muito bem em testes de stress da CPU, porém, em testes de stress da GPU não se deu bem e resetou a máquina no Quake 3 Arena.

      Estou aguardando a chegada de 3 dissipadores que importei da China para fazer a avaliação, tanto do produto quanto da diferença de estabilidade.

      Referente as distribuições Linux disponíveis para ele, por aqui testei o ArchLinux, o Debian (sem uso de ponto flutuante via hardware) e o Raspbian (meu preferido), e os três se saíram muito bem, cada uma dentro de seu propósito, veja:

      – Se for para desenvolver um software embarcado com boot rápido e alta performance, creio que o ArchLinux seja insuperável;
      – Para quem usa o Java da Sun/Oracle, atualmente teria que recorrer ao Debian, mas abrindo mão da performance pela falta de suporte ao ponto flutuante via hardware;
      – Para outros propósitos, sem dúvida vá de Raspbian.

      Dei uma olhada também no Moebius (que é um Raspbian mais enxuto) e o Instant WebKiosk, de resto não cheguei a testar outros “sabores” do Linux.

      Testei o AROS, mas rodou dentro do Debian, então não dá pra fazer afirmações em um sistema de teste conceitual, já que para avaliar de verdade só quando fizerem uma versão nativa. Sem dúvida um AROS nativo será muito bem vindo.

      Vale ficar esperto com o RiscOS, que tem o boot e velocidade assustadores, e creio que quando for devidamente otimizado se tornará uma alternativa excelente. Foi o que mais me impressionou até agora.

      O Android ainda não testei, mas pelo que andei lendo e vendo o port dele para o Raspi está muito cru ainda. Assim que possível pretendo pegar um Raspi de 512Mb, pois sem dúvida para o Android haverá um ganho perceptível de performance.

      Um grande abraço e obrigado por comentar!

  5. sergio

    Caro Mauro,

    Você tentou aumentar o orifício do RCA com uma faquinha p.ex., já que o plástico é flexível não deve ser tão difícil, de modo a criar um espaço nas laterais para permitir um encaixe mais profundo ?

    Abs,

    1. Mauro Xavier

      Sinceramente não tive coragem para fazer isso, estou no momento usando um cabo RCA que tem o conector bem apertado e chega a segurar o suficiente.

      Mas se uma hora incomodar, a solução seria aumentar o furo.

  6. Alicio

    Mauro, eu comprei o case no e-bay tb, só que veio da Polônia e chegou rápido. O link: http://www.ebay.com/itm/251123638323?ssPageName=STRK:MEWNX:IT&_trksid=p3984.m1497.l2649

Deixe uma resposta